Drone agrícola: veja porque você precisa dele e como escolher um

4 minutos para ler

Até alguns anos atrás, o uso de máquinas não tripuladas para a agricultura parecia coisa dos filmes de ficção científica. Mas os avanços tecnológicos chegaram no campo também, e atualmente os drones agrícolas são uma realidade e fazem parte da agricultura 4.0.

Os drones são pequenas aeronaves controladas por um software. Eles são capazes de realizar várias tarefas, como tirar fotos, gravar vídeos ou até entregar encomendas. Na agricultura, essa tecnologia é muito usada para pulverização, acompanhamento da safra, georreferenciamento, irrigação, mapeamento aéreo e outras atividades.

Existem vários modelos de drones, que são classificados de acordo com a quantidade de hélices. Esses equipamentos também variam em tamanho, e os menores podem caber na palma da mão! Outra diferença entre os modelos é a distância do voo a partir do controlador e a autonomia para o voo.

Ficou curioso para saber quais são as vantagens de usar um drone agrícola na sua propriedade? Basta continuar a leitura para descobrir!

Imagens detalhadas

Os drones são capazes de fazer imagens detalhadas sobre a propriedade, e isso pode ser usado em diferentes situações. Um primeiro exemplo é a contagem do rebanho na pecuária. Mesmo sem ter um peão no campo para contar os animais, você consegue saber quantas cabeças tem.

As imagens também dão maior praticidade na hora de vender a fazenda. Em vez de trazer o comprador até o local, você pode simplesmente levar o arquivo com as imagens detalhadas da propriedade e mostrar as instalações.

Precisão

Essa é uma das principais vantagens — se não a principal — no uso de drones na agricultura. Todas as atividades para as quais é programado são realizadas com muita precisão. Assim, você otimiza o uso de insumos e diminui perdas. Na aplicação de defensivos, por exemplo, precisará usar menos quantidade de produto, pois ele será aplicado de forma mais eficiente.

Custo-benefício

Atualmente, os drones já têm um preço bastante acessível e podem ser comprados em sites chineses por algumas centenas de reais. Porém, os equipamentos que realizam tarefas mais especializadas, como a pulverização ou a coleta de dados, requerem um investimento mais alto.

Mas não fique desestimulado por esse dado. O retorno do investimento de um drone para a sua fazenda acontece relativamente rápido, pois ele é capaz de promover melhorias nos processos de manejo, economia de insumos e maior eficiência da fazenda, que vai resultar em uma maior lucratividade.

Flexibilidade

Os drones permitem uma grande flexibilidade na coleta de dados e, principalmente, na obtenção de imagens da fazenda. Por meio do material recolhido pela aeronave não tripulada, é possível encontrar nascentes, monitorar o crescimento da lavoura, buscar animais perdidos do rebanho e muitos outros usos.

Uma das maiores vantagens dessa tecnologia é o seu tamanho. Por ser pequeno, o drone consegue alcançar locais de difícil acesso para fazer a coleta de imagens. Além disso, como não é tripulado, não expõe funcionários da fazenda a riscos para fazer essa captura das imagens.

Otimização do tempo

A tecnologia dos drones permite realizar tarefas que antes eram complicadas em menos tempo e com menor esforço. A busca por um animal perdido, por exemplo, pode ser encurtada pela agilidade dos drones e por sua capacidade de sobrevoar uma área maior em menos tempo. Assim, os drones automatizam os processos no setor agrícola e aumentam a produtividade da fazenda.

A escolha do modelo do drone agrícola mais indicado para a sua fazenda deve levar em consideração vários fatores. Alguns deles são as tarefas que você deseja executar, a geografia da sua região e o seu orçamento disponível. Outra opção é terceirizar o serviço para empresas especializadas, que contam com especialistas para realizar cada uma das tarefas que o drone pode executar. 

Ficou com alguma dúvida sobre o uso do drone agrícola? Deixe seu comentário no post! Será um prazer respondê-lo!

Você também pode gostar

Deixe um comentário